Webmail   |   Add favoritos   |   Definir como página inicial   |   Indicar um amigo
quinta.feira - 15 de novembro de 2018 - 1h50
 
    
    
    
    
    
    
    
    
    
    
    
    
    




 

 
ALEITAMENTO MATERNO: Espaços nos CEIM's são criados/revitalizados para garantir mais conforto as mamães e seus filhos

A parceria entre a instituição de ensino e as famílias pode fazer toda a diferença entre a amamentação previamente interrompida, ou a sua continuidade.

Um dos momentos mais complicados para as mães que estão prestes a regressar ao trabalho, após a licença maternidade, é a interrupção ou suspensão da amamentação. Muito além do alimento fornecido ao bebê, está a relação de vínculo, a troca de carinho, os laços criados na hora da mamada.

Pensando nisso, a parceria fundamental entre as instituições de ensino e as famílias, que pode fazer toda a diferença entre a amamentação previamente interrompida, ou a sua continuidade até mãe e bebê definiram e hora de parar, foi valorizada pela Secretaria de Educação e Formação Empreendedora de Pomerode.

Acolher mães que tem disponibilidade de ir às creches durante o dia para amamentar seus bebês, ou armazenar leite materno para dar às crianças ao longo do dia, são atitudes que motivaram a criação/revitalização dos Cantinhos de Aleitamento Materno nos CEIM´s. A iniciativa foi uma das atividades desenvolvidas pelas cursistas que participam da Formação Continuada em Alimentação, Nutrição e Desenvolvimento Alimentar na Infância voltada para os auxiliares de educação infantil, professores, orientadores e gestores dos Centros de Educação Infantil municipais, coordenada pela Nutricionista da Secretaria de Educação Aline Beatris Pruner e pela Fonoaudióloga Daniela Forster .

"Uma das atividades que elas precisavam desenvolver ao longo do ano era criar ou revitalizar (nos lugares que já existiam) os espaços para as mães darem de mamar para os seus bebês dentro dos CEI's.  A tarefa foi passada em maio e no dia 08 de outubro, segunda-feira, as cursistas apresentaram seus trabalhos no 9º encontro da Formação Continuada em Alimentação, Nutrição e Desenvolvimento Alimentar na Infância", explicam as profissionais da Rede.

Além da nutricionista Aline e da fonoaudióloga Daniela, as cursistas apresentaram os trabalhos desenvolvidos para o Nutricionista da Secretaria de Saúde, Geliandro Fidelis Ribeiro, apoiador do projeto, e para o Pediatra Dr. Sthevan Bernardon, que antes das apresentações coordenou uma roda de conversa com as profissionais, onde abordou vários temas relacionados com a saúde da criança, entre eles, alergias e intolerâncias alimentares. Na oportunidade, Dr. Sthevan Bernardon falou muito sobre a importância da comunicação e da "fala alinhada" entre a família, o pediatra e o profissional que está com a criança no Centro de Educação Infantil.

Após a apresentação das atividades o Nutricionista Geliandro apresentou aos presentes o Guia para a Mãe Trabalhadora que Amamenta, material desenvolvido por profissionais da saúde e da educação e que será lançado no mês de novembro.

Conforme a cursista e Diretora do CEIM Amália G. Anders, Deyse Giovana Hardt, "quando proporcionamos o aleitamento materno na creche e estimulamos a exclusividade dele até os seis primeiros meses de vida da criança, estamos garantindo que ela tenha saúde e condições seguras de um desenvolvimento sadio e de qualidade. Garantindo a ela o direito de educação e cuidado que são indissociáveis ao processo educativo".

Como funciona o cantinho da amamentação?

Trata-se de um espaço para motivar as mães, indicar que o CEI é parceiro do aleitamento e oferecer um pouco mais de conforto, privacidade e, de certa forma, de carinho.  Em alguns CEI's esse espaço é uma sala própria, em outros é um espaço de acolhimento preparado em outros locais, como a área coberta, refeitório e berçário. O importante é chamar a atenção para o tema e acolher essa mãe e seu bebê.

Objetivos dos Cantinhos do Aleitamento Materno

             Incentivar o aleitamento materno exclusivo até o 6º mês de vida do bebê e complementar até o segundo ano de vida ou mais, conforme o que preconizam o Ministério da Saúde e a Organização Mundial de Saúde;

             Sensibilizar a comunidade escolar e as famílias quanto à importância da amamentação.

             Oferecer um espaço aconchegante para as mães amamentarem o seus bebês.

             Colaborar no desenvolvimento físico, cognitivo e comportamental dos alunos.

 

O que diz a lei

Dos direitos: Toda mulher tem direito a 120 dias de licença maternidade, podendo algumas empresas estenderem para 180 dias. Até o sexto mês de vida do bebê, a mulher tem direito durante a jornada de trabalho  a 02 descansos especiais de meia hora cada.

Das recomendações: A Organização Mundial de Saúde preconiza o aleitamento materno exclusivo até o 6º mês de vida e complementar até o segundo ano de vida ou mais.

 CEIM Rosa Borck amplia discussão da importância do aleitamento materno, realizando uma campanha interna para coleta de vidros para armazenagem do leite

No CEIM Rosa Borck, paralelo a construção-revitalização do cantinho da amamentação, outras ações foram realizadas, como a arrecadação entre as famílias de vidros de café solúvel para as mães que fazem a ordenha e levam o seus leites para serem administrados aos seus filhos no Centro de Educação.

Junto a esta campanha, foi enviado para casa um texto informativo sobre a importância do Aleitamento Materno e os benefícios da amamentação, tanto para o bebê, como para a mãe, e uma pesquisa com as mães das turmas de 1 a 3 anos, para saber quem ainda está amamentando sua criança com leite materno em casa e também no CEI. Assim, cada mãe que entregar a pesquisa e que estiver amamentando ganha um adesivo comemorativo ao tema.

Para o manuseio correto do leite materno, as auxiliares e professoras, além de usarem os conhecimentos adquiridos  em cursos e capacitações, realizaram uma pesquisa bibliográfica sobre o procedimento correto de armazenamento e descongelamento do leite materno.

 

Fonte: Assessoria de imprensa 3387-7273
Data: 7 de novembro de 2018
  
 
 
 
 
 

Home     /     Imprensa     /     Localização     /     Contato




Prefeitura Municipal de Pomerode
Rua 15 de Novembro, 525 - Centro
Horário de funcionamento: 7h30 às 11h30 / 13h00 às 17h00.
CEP 89107-000 Pomerode - Santa Catarina
Fone. 47 - 3387.7200